sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Servidores da saúde entram em greve em Macau

Os servidores da saúde pública do município de Macau decidiram na manhã de hoje, 12/01/2018, entrarem em greve por tempo indeterminado.

Os motivos que fizeram com que os servidores aderissem a greve foram o atraso nos salários, falta de insumos, falta de medicamentos, falta de material para o trabalho e o efetivo insuficiente para atender a demanda da saúde pública do município. Para se ter uma ideia do caos que a saúde pública de Macau se encontra só existe apenas uma única vacinadora para atender todo o município e no hospital Antônio Ferraz falta até polvidine, medicamento básico de qualquer hospital. 

Pacientes relatam que a clínica da família está fechada e que o setor de raio-x também.

É isso aí!
Por Leandro de Souza